Convenção do PSTU aprova Vera Guasso para disputar a Prefeitura e coligação com PCB em Porto Alegre

Humberto Carvalho, candidato a vice, e Vera Guasso, candidata a prefeita
Reprodução

O PSTU de Porto alegre realizou sua convenção na noite do dia 30 de junho, oficializando a candidatura da companheira Vera Guasso como candidata a prefeita de Porto Alegre.

Vera concorreu ao Senado nas últimas eleições, representando a coligação Frente de Esquerda, composta pelo PSOL, PSTU e PCB. Ela obteve 48.390 votos. desses, 19.881 foram em Porto Alegre.

Estiveram presentes na reunião militantes, apoiadores e dirigentes do PSTU. Também foi aprovada a aliança com o Partido Comunista Brasileiro (PCB), que indicou Humberto Carvalho, procurador de Justiça aposentado e, atualmente, advogado na área cível e trabalhista, como candidato a vice-prefeito da chapa.

Em sua intervenção, Vera traduziu a importância da Frente de Esquerda nestas eleições. “A coligação entre PSTU e PCB vai apresentar um programa para a classe trabalhadora e o povo pobre de Porto Alegre, denunciando a tentativa de retirada de direitos e fazendo um chamado à mobilização”.

A convenção encerra a luta política que o PSTU e o PCB deram desde novembro de 2007 para tentar unir a esquerda nas eleições, já que o PSOL da deputada Luciana Genro decidiu romper a coligação para se aliar ao PV, partido da base do governo Lula. Em 2006, a frente sustentou a campanha da senadora Heloisa Helena a presidente.

Junto com Vera, o PSTU de Porto Alegre lançou dois candidatos a vereadores: Júlio Flores e Myrela Leitão. Julio Flores é o candidato prioritário do partido. Foi dirigente sindical bancário e hoje é professor do estado e do município. Nas últimas eleições, também como candidato a vereador, obteve excelente votação, 5.610 votos ficando entre os 33 candidatos mais votados. Ele não se elegeu em função do coeficiente eleitoral.