Vanessa: “Não à Lei de Responsabilidade Fiscal”

Vanessa Portugal, contra o pagamento da dívida, em defesa de mais investimentos na saúde e educação

Conheça as candidaturas de luta e socialista do PSTU“Em todo o país, as prefeituras, governadas pelo PT ou PSDB, seguem um importante mandamento do FMI: a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Ela foi criada pelo governo FHC a mando do FMI. Ao contrário do que dizem o governo e a grande imprensa, essa lei não é a solução para os problemas de corrupção e desvios dos recursos públicos. Seu objetivo é garantir o pagamento da dívida dos municípios aos banqueiros e não os gastos sociais, como saúde, moradia e educação. Na verdade, essa é uma lei de irresponsabilidade social: para os credores da dívida, tudo. Para os trabalhadores e o povo pobre, fome e miséria.

Nossa candidatura propõe garantir mais verbas para a saúde, educação, saneamento básico e moradia. Mas, para isso, é preciso parar de pagar a dívida pública dos municípios com a União e dizer não à LRF, que retira verbas das áreas sociais para pagar juros aos banqueiros.

Na capital mineira, nove candidatos disputam o cargo de prefeito, que atualmente pertence a Fernando Pimentel (PT). Mas a novidade é a coligação informal entre PT e PSDB, que apóiam a candidatura do empresário Márcio Lacerda (PSB). A aliança mostra que não existe nenhuma diferença entre os partidos, pois ambos defendem um programa neoliberal e a LRF”.
Post author Vanessa Portugal, candidata a prefeita de Belo Horizonte (MG)
Publication Date