Trabalhadores da Embraer entram em greve em São José

Neste momento trabalhadores fazem passeata rumo ao Jardim PaulistaOs metalúrgicos do 1º turno da Embraer, unidade da Faria Lima, em São José dos Campos, aprovaram, na manhã desta quinta-feira, dia 22, a realização de uma greve por 24 horas. Neste momento, os trabalhadores estão em passeata, na avenida dos Astronautas, rumo a Praça da Igreja São Judas Tadeu, no Jardim Paulista. Cerca de três mil trabalhadores participam da manifestação.

A paralisação é em razão de impasse na Campanha Salarial. A empresa se nega a iniciar negociações imediatas com o Sindicato e antecipar a data-base de novembro para setembro, a exemplo do que já ocorre em toda a categoria.

Na última segunda-feira, os trabalhadores votaram estado de greve e deram prazo de 48h para a empresa responder às reivindicações, votadas por unanimidade nas assembleias.

Na pauta de reivindicações da categoria também estão incluídas redução da jornada, negociação de PLR direta com o Sindicato, melhores condições de saúde e segurança para os trabalhadores e que a Embraer pare de desviar os ônibus dos funcionários nos dias de assembleia.

Atualmente, as negociações do setor aeronáutico são feitas entre a Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e o Sindicato dos Metalúrgicos. A Embraer é a maior empresa do setor e, somente em São José dos Campos, possui cerca de 12 mil funcionários.

Mais notícias serão publicadas ainda durante a manhã de hoje.

  • Veja também o blog Embraer na Luta