Reforma da Previdência: Como votaram os deputados aliados e com cargos no governo Flávio Dino (PCdoB)?

O governador do PCdoB, Flávio Dino, e o deputado Fufuca (PP)

Saulo Arcangeli, de São Luis (MA)

Nesta quarta, 10, foi votado o texto base da reforma da Previdência que condena o trabalhador a morrer sem se aposentar. Essa reforma retira ou reduz direitos assistenciais dos mais pobres e deixa principalmente a nossa juventude sem perspectiva de futuro, os desempregados (14,4% no Maranhão) sem garantia de se empregarem e os que estão na informalidade (mais de 50% dos trabalhadores do setor privado maranhense) sem chance de se aposentarem.

Dos 18 deputados da bancada do Maranhão, 14 (77%) votaram a favor da reforma da Previdência e, dentre eles, 8 deputados (57%) fazem parte da base de apoio do governador Flávio Dino (PCdoB).

E o que o governador tem a ver com isso?
Tem muita responsabilidade, pois contribuiu com a eleição desses vendilhões para garantir a sua eleição e a tal “governabilidade”, realizando um loteamento das secretarias do seu governo com indicações desses mesmos parlamentes.

Foi assim com a Secretaria de Agricultura entregue à Josimar do Maranhãozinho (PL), a Secretaria de Meio Ambiente que foi para André Fufuca (PP), o Iterma abocanhado por Kleber Verde (PRB), dentre outros espaços entregues.

Agora os trabalhadores colhem os frutos envenenados desses acordos palacianos e são atacados por estes parlamentares que propagam a mudança no Maranhão e um governo “para todos” quando, na verdade, estão a serviço das grandes empresas e bancos que são os verdadeiros privilegiados dessa maldita reforma.

E agora governador Flávio Dino, o que você tem a dizer aos trabalhadores?