PSTU participa de debates na Índia

O PSTU também esteve presente em Mumbai, na Índia, e participou de dois eventos. No dia 18 houve um seminário sobre Globalização e Imperialismo, organizado pelo Mazdoor Mukti Comittee, uma organização socialista de Calcutá. Além de um representante do Comitê, participaram como convidados uma socialista independente indiana, o britânico Chris Harman, do Socialist Workers Party, e Fábio Bosco, do PSTU. Foram três horas de debate, com cerca de 200 presentes, em sua maioria indianos e coreanos.

No dia 20, ocorreu uma oficina da revista Marxismo Vivo, que contou com a presença do trotskysta indiano Sushovan Dhar, da Alternativa Anti-capitalista, e de Fábio Bosco, do PSTU. Sushovan falou sobre a experiência com o governo de “esquerda“ de Bengala Ocidental, liderado há 25 anos pelo Partido Comunista Indiano. Fábio falou sobre a América Latina e as alternativas para a classe trabalhadora. Os cerca de vinte presentes, a maioria indianos, participaram ativamente da discussão, que durou três horas. Estas atividades foram importantes para estabelecerem os primeiros contatos com a realidade da esquerda indiana, hegemonizada pelo maoísmo.