NATAL | “Tenham vergonha”, diz Amanda Gurgel a políticos

    No dia seguinte à explosão dos protestos pelo país, a Câmara Municipal de Natal discutiu e votou um projeto que propunha revogar o aumento de R$ 15 mil para R$ 17 mil nos salários dos vereadores. O projeto foi defendido pela vereadora Amanda Gurgel, do PSTU.
    “A população está na rua, 100 mil pessoas em São Paulo, 100 mil no Rio e milhares em Belo Horizonte. Sabe qual é o motivo? É porque as pessoas têm ódio de político, tem nojo de político”, bradou Amanda da Tribuna.
    A vereadora ainda disse que o Poder Legislativo funciona como um “palco de corrupção” e criticou aqueles que defenderam o aumento dos salários dos vereadores. “Nesse país, a maioria esmagadora recebe um salário mínimo de R$ 678! Vem aqui um vereador e tem coragem de dizer que só recebe R$ 15 mil! Nós professores estamos com uma lei do piso salarial, que é o mínimo, e essa lei não é cumprida. Mas isso esses vereadores não cobram”, declarou a vereadora Amanda.
    Natal foi uma das primeiras cidades a iniciar o movimento pela redução da passagem, ainda em maio. Houve repressão por parte da polícia do governo de Rosalba Carlini, do DEM.Vário sativistas foram agredidos e presos injustamente. 
    A luta sempre foi apoiada pelo PSTU e agora continua pelo passe-livre e pela tarifa zero, que só será conquistada se houver o combate ao lucro de meia dúzia de empresários que exploram o transporte público na cidade.
    Em seu discurso na Câmara, Amanda falou: “olhem para os 100 mil nas ruas e digam pra eles que são vagabundos, como já disseram aqui. Nós somos do partido das lutas e do socialismo, sempre estivemos na luta dos trabalhadores e da juventude no meio da rua e vamos continuar, mesmo que alguns confundam nosso partido com os partidos de vocês”. Tenham vergonha!
     

    Post author PSTU Rio Grande do Norte
    Publication Date