Isso (10% do PIB para a Educação) coloca em risco as contas públicas. Isso vai quebrar o Estado brasileiro

não falando nada, porém, (Folha de S. Paulo 04/07/2012)