FMI rindo à toa

    Diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, no Brasil

    Fundo Monetário Internacional (FMI) elogia política de ajuste fiscal do Governo Dilma

    Estão todos indignados e decepcionados com o bilionário ajuste fiscal divulgado pelo governo Dilma? Nem todos. Além dos banqueiros, claro, que vão lucrar com isso tudo, na semana passada o governo Dilma recebeu elogios rasgados da diretora do FMI. Em passagem pelo país, a diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, fez questão de tornar público seu apoio e confiança no governo e disse que o Brasil está “claramente no caminho certo”. Por caminho certo ela quer dizer: recessão, austeridade, desemprego, ataques aos trabalhadores…
     
    Lagarde também afirmou que “a política monetária está claramente funcionando”. Só não disse que o governo, “claramente”, sacrifica recursos e investimentos da Educação, Saúde e Habitação pra garantir os lucros de um punhado de banqueiros internacionais. 
     
    Algum tempo atrás o então presidente Lula se vangloriou pelo fato de o país ter supostamente pago a dívida com o FMI. Agora vemos de forma mais transparente que isso não passou de balela. O Brasil continua preso aos banqueiros e o governo continua destinando quase metade do Orçamento Federal todos anos para pagar os juros da dívida pública. E continuamos a ver o dinheiro que deveria ir pra Saúde, Educação e demais áreas sociais escorrer pelo ralo, direto para os bolsos dos banqueiros. 
     
    O FMI não poderia estar mais feliz.
     
     

    Post author