Estudantes vaiam Lula em São Carlos

Um grupo de cerca de 300 estudantes vaiou o presidente Lula, nesta quinta-feira, 31, em São Carlos (SP). Lula esteve na cidade, acompanhado de ministros, para inaugurar as obras de um hospital-escola, mas foi vaiado pelo grupo assim que chegou ao local.

Os estudantes usavam nariz de palhaço, para protestar contra a reforma Universitária, que vai privatizar o ensino superior, exigir a retirada do ProUni e mais verbas para as universidades. Uma das faixas levadas ao ato dizia: “Propaganda enganosa aqui não cola. Abaixo a reforma universitária“. Lula improvisou um discurso, prometendo a construção de quatro universidades federais e rebatendo as críticas ao projeto. Durante o discurso de sete minutos, Lula escutou várias vezes os gritos de “mentira”, vindo dos estudantes.

Com gritos de “Abaixo à repressão“, alguns estudantes pularam a cerca, mas foram contidos por seguranças da Presidência da República. Sindicalistas também participaram do ato, protestando contra a reforma Sindical e a presença do ministro Ricardo Berzoini, que acompanhava Lula.