PSTU Campinas (SP)

Ontem, 23/10, a campanha eleitoral do PSTU em Campinas (SP), começou bem cedo. Desde às 6h, a militância e apoiadores estiveram na porta da Pirelli para distribuir panfletos e conversar com os trabalhadores da fábrica, que entravam para trabalhar no turno da manhã e os que saíam do turno noturno. Às 14h, novamente estiveram presentes dialogando com os trabalhadores do turno da tarde.

A professora Kátia Sartori, candidata a vereadora, esteve presente nas panfletagens e destacou que “temos aproveitado nossa campanha para potencializar e divulgar as lutas dos trabalhadores em curso, como contra o retorno às aulas presenciais, contra a Reforma Administrativa e as privatizações”.

Caminhada

No dia de ontem também teve caminhada e panfletagem na Praça da Concórdia, no bairro Campo Grande. Os candidatos, acompanhados da militância e apoiadores, conversaram com a população. Laura Leal, candidata a prefeita de Campinas, destaca que “a campanha tem demonstrado que há muita bronca contra Bolsonaro e seus ataques e espaço para a construção de uma alternativa socialista. Em Campinas, das 14 candidaturas, pelo menos 3 são da base de apoio do atual prefeito Jonas Donizete, e outros que se apresentam da oposição, como Pedro Tourinho da Frente PT/PSOL, não propõe acabar com os privilégios dos grandes empresários, com a máfia dos transportes e a especulação imobiliária. Nossa candidatura é a única que diz que os ricos devem pagar a conta da crise”.

Manifesto e Cadastro de Apoiadores

O PSTU Campinas lançou o Manifesto por Uma Alternativa Socialista e Revolucionária para Campinas. Leia aqui.

Se você apoia nossas candidaturas em Campinas e quer ajudar na campanha. Preencha o Cadastro de Apoiadores. Junte-se a nós na construção de uma alternativa socialista e revolucionária!