Conlute divulga manifesto de apoio à ocupação da UFMS

Na tarde desta quinta-feira, estudantes ocuparam a reitoria da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Eles reivindicam democracia na escolha do reitor. Leia, abaixo, nota publicada pela Conlute.TODO APOIO À OCUPAÇÃO DA REITORIA DA UFMS
O semestre mal começou e a força que o movimento estudantil adquiriu do ano passado pra cá está mostrando a que veio. Os estudantes da UFMS acabaram de ocupar a Reitoria para reivindicar centralmente a ampliação da democracia na Universidade, uma luta muito justa, afinal é apoiada nessas estruturas antidemocráticas que as Reitorias, os governos estaduais e o governo federal impõe seus projetos de privatização da educação pública brasileira.

No primeiro semestre desse ano, presenciamos uma vitoriosa luta dos estudantes da UnB pela derrubada do Reitor e pela democracia na Universidade. É necessário que processos como os da UnB se desenvolvam em outras universidades, para que possamos não só avançar nas conquistas democráticas dentro da Universidade, mas para que derrotemos os projetos de privatização, como o ReUni e a Reforma Universitária de Lula, além das Fundações privadas ditas de apoio.

No projeto de Reforma Universitária do governo Lula, não é garantido nenhuma ampliação da democracia dentro da universidade, pelo contrário, o governo reafirma a necessidade de haver a prevalência dos docentes nas instâncias de deliberação das Universidades. Isso serviu inclusive para o governo conseguir aprovar o REUNI em muitos Conselhos Universitários pelo país. É respaldado nesse projeto, que as Reitorias seguem atuando com sua forma antidemocrática e na UFMS não é diferente.

  • Todo apoio à ocupação!
  • Paridade já!
  • Contra o reuni e a reforma universitária de lula!
  • Por democracia e autonomia para as universidades!

    Coordenação Nacional de Lutas dos Estudantes (Conlute)