Conlutas vence eleições dos professores municipais no Recife

Vitória é um passo importante na construção da Coordenação no estadoNos dias 3 e 4 de novembro, foram realizadas as eleições para a direção do Sindicato dos Professores Municipais do Recife (SIMPERE), cuja prefeitura é dirigida pelo prefeito João Paulo (PT). O petista vem atacando duramente a categoria, retirando direitos, implementando taxas na saúde, aumentando a contribuição com a Previdência e o arrocho salarial.

A direção do sindicato, composta majoritariamente pela esquerda da CUT (Articulação de Esquerda), mas também pelo P-SOL, foram coniventes com esses ataques e contavam com o apoio do PCdoB, que não participava da gestão.

Em contraposição ao governismo da direção da entidade, formou-se, na base da categoria, uma oposição organizada que participou de todas as lutas. A oposição também se reivindica da Conlutas e defende a ruptura com a CUT.

De maneira oportunista, o P-SOL rompeu com a direção do sindicato nas vésperas das eleições, formando uma chapa com uma ala da diretoria que atuou decisivamente para derrotar a última greve da categoria. Dessa maneira, tentaram confundir os trabalhadores assumindo um discurso de “oposição” e de antipartido, acusando de partidarização a Chapa 3, ligada à Conlutas. Mas a manobra não logrou resultados e a categoria demonstrou nas urnas a insatisfação contra a antiga diretoria.

Chapas – Concorreram nas eleições três chapas: a Chapa 1, ligada ao PT e PCdoB; a Chapa 2, do P-SOL; e a Chapa 3, ligada ao PSTU e independentes.

Cerca de 70% dos 3 mil servidores sindicalizados votaram nas eleições. O resultado foi anunciado na madrugada do dia 5. A Chapa 3 ganhou as eleições com 834 votos (38% do total). A Chapa 2 obteve 748 votos (34%) e a Chapa 1 teve 611 votos (28%).

A vitória da Chapa 3 nas eleições do SIMPERE não foi apenas um duro golpe no sindicalismo governista, mas também foi um passo fundamental no fortalecimento da Conlutas em Pernambuco. Combinando a luta pela construção de uma nova alternativa com o combate às reformas Sindical e Trabalhista do governo Lula, a nova direção do SIMPERE, juntamente com o Sindicato dos Trabalhadores dos Correios (SINTECT) e outros sindicatos ligados à Conlutas, estará preparando em todo o estado a construção do 10 Congresso Nacional da Classe Trabalhadora (Conat), em abril de 2006.

Post author Guilherme Fonseca, do Recife (PE)
Publication Date