Um lugar à juventude

Um dos principais setores que desponta nas lutas do último período são os estudantes. A luta contra o Reuni, a mais nova versão da reforma universitária do governo Lula, desencadeou uma onda nacional de ocupações de reitorias e mobilizações em 2007.

As recentes ocupações das reitorias da UnB e da UFMG mostram que o ascenso prossegue. No entanto, assim como ocorre com a CUT, hoje a UNE também é aliada do governo Lula, defendendo a reforma universitária. É hora de avançar na organização nacional dos estudantes.

Por isso, os estudantes estão construindo a Conlutas e a Conlute. Temos que avançar na organização e mobilização estudantil, unindo suas reivindicações às dos demais trabalhadores e setores, construindo a aliança operária-estudantil.
Post author
Publication Date