Sem-teto do Pinheirinho param Via Dutra agora

Protesto engrossa “Abril Vermelho”, do MSTCerca de 3 mil sem-teto da ocupação Pinheirinho, da zona sul de São José dos Campos, paralisam, na manhã desta terça-feira, 17, a Via Dutra, sentido Rio de Janeiro, no quilômetro 155.

O protesto faz parte do dia nacional de luta, incorporado pela Conlutas (Coordenação Nacional de Lutas), no dia em que se completam 11 anos do massacre de Eldorado do Carajás (PA), no qual 19 sem-terra foram mortos.

Massacre
Em 17 de abril de 1996, cerca de 1.200 sem-terra que iam a Marabá (PA) para exigir a desapropriação da fazenda Macaxeira, em Eldorado do Carajás (PA), bloquearam a rodovia PA-150.

O então governador Almir Gabriel (PSDB) ordenou que a Polícia Militar desobstruísse a estrada. Os sem-terra foram cercados por 155 policiais militares comandados pelo major José Maria Pereira de Oliveira e pelo coronel Mário Collares Pantoja.

Na operação, 19 sem-terra foram mortos, e 69 ficaram feridos.

Dia de luta
O dia de mobilização ainda contou com paralisações na GM e em fábricas da zona sul de São José dos Campos e Jacareí, no período da manhã.