Sem-teto do Pinheirinho fazem marcha nesta quinta-feira

Os sem-teto da ocupação do Pinheirinho, na zona sul de São José dos Campos (SP), realizam nesta quinta-feira, dia 9, a partir das 7h, uma marcha para protestar contra a inércia do poder público municipal na questão da habitação, especificamente na área ocupada.

As lideranças dos sem-teto esperam reunir cerca de 2 mil pessoas, que devem partir da ocupação, logo pela manhã, em direção ao centro da cidade. O trajeto deve ultrapassar 15 quilômetros.

No mês de fevereiro de 2007, a ocupação completa 3 anos. A principal ameaça às famílias é o posicionamento intransigente do governo municipal, comandado pelo prefeito Eduardo Cury (PSDB), que entrou com ações na Justiça a fim de expulsar os sem-teto do local.

O terreno, que antes da ocupação estava completamente abandonado, é de posse do megaespeculador Naji Nahas, que também briga pela posse da área.

“Nossa marcha é mais uma tentativa de tentar sensibilizar as autoridades, que simplesmente viraram as costas para o povo pobre da cidade. O governo federal, inclusive, já ofereceu ajuda para construir toda a infra-estrutura do Pinheirinho, mas o prefeito Eduardo Cury só pensa em jogar essas famílias na rua”, disse Valdir Martins, o Marrom, um dos coordenadores do MUST (Movimento Urbano dos Sem-Teto) do Pinheirinho.