PSTU reivindica democracia nos debates da TV

Partido entra com ação no TSE para participar de debate na BandNesse dia 29 de julho, o PSTU entrou com ação no Tribunal Superior Eleitoral reivindicando a participação de Zé Maria no debate que será realizado pela TV Bandeirantes no dia 5 de agosto.

Seguindo a prática antidemocrática dos veículos de comunicação em eleições anteriores, a Bandeirantes convidou somente os candidatos de partidos com representação parlamentar para o debate. Desta forma, embora amparado pela Lei dos Partidos, a emissora priva a população de conhecer todos os programas que disputam as eleições.

Ao criticar a medida da emissora, Zé Maria ressaltou a pesquisa realizada pelo Datafolha, informando que 88% dos eleitores usam a TV para obter informações que os levem a uma opinião sobre as eleições. “Isso significa que, ao não permitir a participação de todos os candidatos, a emissora passa uma informação errada para a população sobre quais candidatos concorrem às eleições. Desconhece um direito fundamental da população e contribui para manipular a opinião dos eleitores”, afirma Zé.

O candidato argumenta ainda que as empresas de televisão são concessionárias de um espaço público e, portanto, são os interesses públicos que devem prevalecer. “Não pode ser que seja permitida às empresas privadas tamanha interferência no processo eleitoral do país” concluiu Zé Maria.