PSTU atinge cinco mil novos filiados

Operário assina ficha de filiação em Belém

Nosso partido lançou uma campanha nacional de filiações em julho, aproveitando a campanha eleitoral deste ano, com o objetivo de aumentar o número de seus filiados e fortalecer a relação do partido com os seus apoiadores e simpatizantes.

Ainda estamos recolhendo informações, mas já podemos anunciar que tivemos uma grande vitória com a campanha, ultrapassando as cinco mil novas filiações ao partido, com destaque para um grande número de filiações operárias.

Apesar de toda falta de democracia nas eleições, com a grande imprensa e o poder econômico beneficiando descaradamente os seus candidatos, o resultado obtido com a campanha de filiações demonstra que a presença nas eleições serviu não só para divulgar o nosso programa socialista, como também foi uma ótima oportunidade para o partido crescer, se enraizando em importantes setores da nossa classe.

Destaques
No estado de São Paulo, já atingimos 1.500 novas filiações, sendo que 700 foram na capital, mais de 400 em São José dos Campos – a maioria entre os metalúrgicos da região do Vale do Paraíba. O resultado foi uma campanha eleitoral que levou o camarada Toninho a ser o quinto candidato a vereador mais votado da cidade de São José dos Campos. Só não se elegeu devido à barreira do coeficiente eleitoral. Atingimos também cerca de 100 novos filiados tanto em Campinas como na região do ABC.

Em Belém, na vitoriosa campanha eleitoral que colocou Edmilson Rodrigues (PSOL) no segundo turno, e elegeu Cléber Rabelo para a Câmara de Vereadores, ultrapassamos a incrível marca de 900 filiações, mais de 600 são operários da construção civil.

No Nordeste chegamos a 1.200 novos filiados, destacando a campanha em Fortaleza com mais de 400 filiações – em grande parte, operários da construção civil; em Natal foram realizadas mais de 230 filiações como parte da campanha de Amanda Gurgel; em Aracaju, chegamos a, pelo menos,150 novos filiados durante a campanha de Vera para a prefeitura.

No Estado do Rio de Janeiro, chegamos a 750 novos filiados, com destaque para as mais de 300 na capital, cerca de 150 na região da Baixada Fluminense e 80 em Nova Friburgo.

Em Minas Gerais, já foram quase 300 filiados, sendo 120 deles em Belo Horizonte. Na região Sul se chegou as 300 novas filiações, especialmente em Porto Alegre, Florianópolis e Curitiba.

Um resultado vitorioso que expressa o fortalecimento do partido, mais uma vitória da nossa campanha eleitoral nas eleições municipais deste ano.

Fortalecer a relação política com os filiados
Agora, em outubro, vamos dar prosseguimento ao avanço da relação política do partido com os novos filiados, fruto da nossa campanha vitoriosa. Estão sendo programadas várias palestras abertas do partido sobre o balanço das eleições e a participação do PSTU, como também sobre a campanha contra os crimes da ditadura no Brasil, a Comissão da Verdade e em defesa da anistia aos militantes da antiga Convergência Socialista, perseguidos pelo regime militar.

Vamos convidar todos os filiados que queiram se integrar a um dos núcleos regulares do partido para se tornarem militantes da organização. Este processo já vem acontecendo em várias cidades, mostrando que a campanha de filiação vem fortalecer também os organismos partidários.

Mas, com todos os novos filiados, mesmo com aqueles que não queiram ou não possam se integrar regularmente em um dos nossos núcleos, queremos estabelecer uma relação política cotidiana. Queremos integrá-los em nossas campanhas políticas e demais atividades públicas do partido; em nossas palestras abertas e regulares nas sedes, nas atividades de formação teórica e discutindo com eles os nossos materiais políticos e de propaganda socialista, como o jornal Opinião Socialista e a revista Correio Internacional.

O objetivo é incorporar ao nosso cotidiano o chamado aos ativistas e lutadores, dos movimentos sociais e da juventude, para que se filiem ao nosso partido, como um primeiro passo de aproximação da nossa organização.

Somos socialistas de carteirinha
Durante agosto e setembro, várias atividades públicas do partido, abertas aos nossos apoiadores e simpatizantes, foram realizadas por nossas regionais para marcar o início de uma nova relação política com os novos filiados.

Em todas as regiões do país, nosso partido chamou os ativistas e os nossos apoiadores da nossa campanha para discutir nosso programa para as cidades. Também discutimos temas da conjuntura internacional, aproveitando para realizar uma bela homenagem aos novos filiados, que recebiam dos nossos militantes mais antigos e figuras públicas do partido a nova carteira de filiado.

Estas atividades foram um importante impulso para a reta final da nossa campanha eleitoral e emocionou a muitos que percebiam o fortalecimento do partido.

Post author
Publication Date