Exército de Israel invade Jenin e Intifada responde com três ataques

[31/12/2003] No acampamento de Jenin, que está sendo bloqueado até o momento pelo exército sionista, houve enfrentamentos entre civis palestinos que impediam o avanço da ocupação e o exército. O palestino Fadl Al Najar, de 22 anos, foi atingido com uma bala explosiva no peito e teve morte instantânea. Os sionistas também invadiram a aldeia de Jabé, ao sul de Jenin, e prenderam 23 civis.

Como resposta, guerrilheiros da Intifada atacaram o exército sionista três vezes seguidas no acampamento de Jenin. O exército sionista negou a existência de vítimas.

Outros ataques

Nablus: Poucas horas após ter deixado Nablus, o exército sionista tornou a invadir e cercar a cidade. Várias famílias abandonaram a cidade e muitas já estão na fronteira com a Jordânia procurando refúgio.

Balata: As forças do exército sionista destruiram 16 casas no acampamento Balata, próximo à cidade de Nablus.

Rafah: Tanques, tratores e soldados invadiram o acampamento de Rafah e a aldeia próxima Al Shawka, prendendo quatro civis.

Fonte: As-safir 31-12-2003