Em ato de aposentados, Zé Maria defende o fim do fator previdenciário

O candidato à presidência pelo PSTU, Zé Maria, marcou presença na manifestação em defesa das aposentadorias nesse dia 12 de agosto em São José dos Campos (SP), região do Vale do Paraíba.A manifestação, que reuniu algo em torno de mil pessoas, foi organizada por entidades de aposentados, como a Associação Democrática dos Metalúrgicos e Aposentados de São José dos Campos (Admap), pela Federação de Aposentados e Pensionistas do Estado de São Paulo (Fapesp), pela Confederação Brasileira de Aposentados, a Cobap, tendo também a participação da recém-fundada CSP-Conlutas.

Os manifestantes, vindo em caravanas de várias partes do país, percorreram as principais ruas da cidade exigindo aposentadoria digna, respeito aos aposentados e, principalmente, o fim do veto de Lula ao fator previdenciário. O fator, imposto por FHC a partir de 1999, estabelece um cálculo para as aposentadorias que, na prática, reduz o valor dos benefícios, forçando os trabalhadores a se aposentarem cada vez mais tarde.

No primeiro semestre, após uma dura batalha no Congresso e várias mobilizações dos aposentados, os parlamentares aprovaram o fim do fator. O presidente Lula, porém, vetou a medida em junho. As organizações dos aposentados e entidades como a CSP Conlutas lutam agora para derrubar esse veto e pôr fim definitivamente ao fator, além de recompor as perdas sofridas pelas aposentadorias nos últimos anos.

“Estamos numa luta para acabar com o fator previdenciário, para melhorar o valor das aposentadorias, recompor seu valor em salários mínimos; o governo afirma que não tem recursos, mas sabemos que recursos ele tem”, afirmou Zé Maria à imprensa. A presença do candidato no ato, mesmo com todo o boicote da imprensa, fez repercutir a manifestação em vários jornais e na rede Globo.

No próximo dia 18, ocorre nova manifestação pelo fim do fator previdencário, desta vez em Belo Horizonte. Zé Maria também estará lá. Nessas eleições, o PSTU vai utilizar seu horário eleitoral no rádio e na TV para defender as bandeiras dos aposentados e dos trabalhadores, como o fim do fator e aumento geral no valor dos benefícios.