A necessária independência dos trabalhadores

Todos estes governos “de esquerda” buscam controlar o movimento de massas. Exemplo é Lula, através das direções pelegas da CUT e da UNE. Mas também Chávez quer de todas as maneiras manter o controle da nova central Unión Nacional de Trabajadores de Venezuela, e recentemente anunciou sua proposta de um “partido único socialista”.

A única possibilidade de que os países latino-americanos rompam com o imperialismo e o capitalismo é a construção de direções do movimento de massas independentes destes governos. O exemplo da Conlutas, claramente independente do governo Lula e de entidades e partidos pelegos, é necessário também para a América Latina.

Post author
Publication Date