Foto: Romerito Pontes/Divulgação

A partir do próximo domingo, dia 28, tem inicio o calendário de debates na televisão entre os candidatos à presidência da República. Serão cinco debates no total. Mas a grande imprensa, ao invés de garantir um direito constitucional, que é o direito à informação, vai realizar o debate com apenas quatro dos 12 presidenciáveis.

A imprensa, que deveria contribuir para a democracia do processo eleitoral, se apega às leis antidemocráticas da Justiça Eleitoral para excluir os candidatos e impedir que candidaturas socialistas e revolucionárias como Vera e Raquel Tremembé apresentem suas propostas à população.

Vera tem pontuado nos dois principais institutos de pesquisa (Datafolha e Ipec), segue empatada tecnicamente com a Simone Tebet (MDB), mesmo esta estando todos os dias na TV, site e jornais impressos e ter um aparato financeiro enormemente superior ao PSTU.  Dentro dessas condições, na verdade, Vera está à frente de Tebet. Mas a grande mídia não garante o mesmo espaço de cobertura.

Enquanto Vera aparecerá uma vez na semana nos telejornais da Rede Globo, Simone Tebet aparece todos os dias, pois é inserida como uma das “principais” candidatas. Que principal candidata é essa que não passa os 2% nas pesquisas? Quando questionada sobre o critério da pesquisa, a Rede Globo usa o critério da cláusula de barreira e a representatividade no parlamento.

Na verdade, a Rede Globo e demais veículos têm medo da Vera e do programa que ela defende. A grande mídia, que pertence à burguesia, não garante espaço igualitário para os revolucionários apresentar seu programa e ideias ao conjunto da população por uma questão de classe. Eles não realizam debates com a presença da Vera porque não querem, por escolha, para impedir que a voz e o programa revolucionário ecoem. A lei não proíbe a participação dos que não tem representação parlamentar. A lei exige a presença dos que tem tal participação.

Por isso, afirmamos que a postura da grande mídia é antidemocrática e chamamos você a participar da campanha em defesa da presença da Vera nos debates.

Vamos fazer uma forte agitação nas redes sociais usando a hastag #QueroVeraNoDebate.

Some-se a nós nessa campanha democrática, pelo direito da participação da única operária, negra, nordestina, socialista e revolucionária candidata à presidência da República.

Calendário dos debates

– 28.ago, às 21h (domingo) – Pool Folha/UOL/Band/TV Cultura (São Paulo)
– 02.set (sábado) – Rede TV! (Osasco/SP)
– 13.set (terça-feira) – TV Aparecida (Aparecida/SP)
– 24.set (sábado) – CNN, Veja, SBT, O Estado de S. Paulo, Nova Brasil FM e Terra (São Paulo)
– 29.set (quinta-feira) – TV Globo (Rio de Janeiro)