Minas e Goiás elegem a coordenação provisória do movimento e intensificam a coleta de assinaturas

Os debates continuam acontecendo em todos os cantos do país. Em Belo Horizonte, no dia 6 de setembro, no auditório da Sociedade Mineira de Engenheiros foi lançado o Manifesto “Precisamos de um novo partido que unifique a esquerda brasileira”. O ato reuniu cerca de duzentos sindicalistas e ativistas dos movimentos popular e estudantil da região metropolitana de Belo Horizonte e também de algumas cidades do interior de Minas, que enviaram seus representantes. Neste evento foi eleita uma coordenação provisória que vai ficar responsável em intensificar a coleta de assinaturas no Manifesto e reproduzir, em reuniões regionais, a apresentação do manifesto e o lançamento do movimento por um novo partido de esquerda.

Entre as várias manifestações de apoio que chegaram durante o ato, teve destaque a do professor Sérgio Ricardo de Souza, presidente do Sind-CEFET, acompanhado de vários representantes do ANDES – Região Leste e do mesmo Sind-CEFET.
Além da coleta de assinaturas, ficou decidida a realização de um seminário estadual, ainda este ano, que discuta as diretrizes do programa e funcionamento do novo partido.

Em Goiânia, cerca de 60 pessoas estiveram presentes ao debate onde se discutiu o governo Lula e a necessidade de um novo partido, no auditório do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Urbanas de Goiás. O tom do debate foi a necessidade de construir um novo partido que unifique a esquerda socialista brasileira e torne-se um instrumento de combate ao imperialismo e as medidas tomadas por Lula. Ao final elegeu-se uma coordenação para a dar continuidade ao movimento.

É importante a cidade que não realizou, marcar já a sua atividade!
E não esqueça de mandar o informe de como foi para o jornal, através do e-mail opiniao@pstu.org.br
Post author
Publication Date