Conlutas fará reunião nacional neste fim-de-semana

Encontro acontece nos dias 25 e 26, no Rio de Janeiro, e a preparação do Dia Nacional de paralisações e protestos, em 14 de agosto, é um dos principais pontos da pautaA reunião da Coordenação nacional da Conlutas acontece nos próximos dias 25 e 26, no Rio de Janeiro em meio a inúmeras e importantes atividades no movimento. Entre elas greve em categorias, campanhas salariais nacionais como metalúrgicos, bancários, petroleiros e trabalhadores dos Correios, eleições sindicais e congressos.

Apesar das tantas atividades, essa reunião é fundamental, principalmente para preparar a atuação da Conlutas no Dia Nacional de Lutas Unificado. Conforme defendeu na reunião das Centrais Sindicais, a Conlutas participa de protesto impulsionando greves e paralisações onde for possível. Queremos fazer desta data um grande dia de lutas. Para isso, é necessária a nossa organização.

Além desse, outros temas importantes serão discutidos como a reorganização do movimento, o balanço das atividades da Missão do Haiti no Brasil, o golpe em Honduras e as reuniões nacionais dos grupos de trabalho da Conlutas que aproveitam a reunião nacional para discutir política de atuação dos diversos setores que integram a central.

Veja, abaixo, a pauta proposta para a reunião.

25 de julho – sábado
9h – Conjuntura (informes das categorias que entram em campanha salarial no segundo semestre)
13h – Almoço
15h – Reorganização
17h – Reunião dos GTs

26 de julho – domingo
9h – Prestação de contas e parecer do Conselho Fiscal
11h30 – Internacional
13h – Almoço
15h – Informes dos GTs
16h – Resoluções e Moções
17h – Encerramento

Sobre o credenciamento: as Secretarias Executivas Estaduais receberão a listagem de suas respectivas entidades, com a indicação das que se encontram aptas a votar na reunião da Coordenação Nacional, de acordo com os critérios de participação e contribuição financeira. Essa resolução foi aprovada na última reunião da Coordenação Nacional.