Liberdade para José Rainha!

Em 11 de julho, o dirigente do MST José Rainha Junior foi ao Fórum de Teodoro Sampaio (SP), onde seriam ouvidas testemunhas num processo no qual é acusado de ter feito uma manifestação nos Bancos do Brasil e Banespa, em 2000. Ao final da audiência, o juiz Átis de Araújo Oliveira chamou policiais militares que o prenderam.

O decreto de prisão foi proferido contra José Rainha, Felinto Procópio dos Santos (Mineirinho), Márcio Barreto, Clédson Mendes e Sérgio Pantaleão. Mineirinho foi à Delegacia de Polícia visitar José Rainha, e também foi preso. Os demais reservaram-se no direito de resistir à ordem de prisão. Até agora, os advogados não puderam ver o processo.

Essa é mais uma das atitudes arbitrárias do juiz Átis de Araújo Oliveira, que em um de seus decretos chegou a comparar o MST ao PCC.
O PSTU reafirma sua total solidariedade ao MST e conclama as entidades do movimento a enviar mensagens de solidariedade pela imediata liberdade dos presos políticos.
 
Exmo. Sr. Dr. Juiz de Direito Átis de Araújo Oliveira
Fórum de Teodoro Sampaio
Rua Passeio Curió, n.º 4 e 5 – Vila São Paulo – Teodoro Sampaio / SP
CEP 19280-000
Fax: (18) 282-1152

Post author
Publication Date