Heloísa visita Belém (PA)

A candidata da Frente de Esquerda à presidência Heloísa Helena foi recebida com uma calorosa manifestação em Belém (PA) no dia 15 de agosto. Heloísa foi recepcionada no aeroporto internacional da cidade por centenas de ativistas do PSTU, PSOL e pessoas que aguardavam o embarque. Ecoaram pelo aeroporto os refrões: “É Heloísa pra valer / Pra derrotar os tucanos e o PT“, “Sem sanguessuga, nem mensalão / É
Heloísa candidata sem patrão“ e “Dívida externa, não vou pagar, quando Heloísa governar“.

Atnágoras Lopes, candidato ao governo pelo PSTU, declarou à imprensa que “a vinda de Heloísa Helena a Belém é muito importante, já que nesse momento assistimos ao seu crescimento nas pesquisas eleitorais, o que demonstra que foi um acerto político termos unificado a esquerda lutadora deste país (PSTU,PSOL, PCB) em torno da sua candidatura, o que vem se afirmando como uma alternativa perante a falsa polarização Lula e Alckmin“.

Lamentavelmente, a direção do PSOL no Pará (composta por APS e CST) vetou a participação do PSTU nas demais atividades de Heloísa Helena na cidade. Tentaram fazer o mesmo no aeroporto, não conseguindo devido ao significativo número e agitação da militância do PSTU.

O candidato do PSOL ao governo, Edmilson, já foi prefeito da cidade por oito anos e, infelizmente, sua administração não foi um exemplo de democracia. Ele chegou a colocar a guarda municipal para agredir professores municipais. Atnágoras lamentou o fato, pois “além de não ajudar, Edmilson só prejudica Heloísa“, o que ficou claro na repercussão do fato na imprensa local.