Destruição do Iraque, grande negócio para Bush e seus comparsas

Os planos de Bush para reconstruir o Iraque são uma verdadeira ação entre amigos. Das companhias selecionadas em concorrências secretas estão empresas de membros do governo. Uma subsidiária da Halliburton foi contratada para apagar incêndios nos poços de petróleo. Em 2000, a mesma empresa foi dirigida pelo vice-presidente, Dick Cheney. A Parsons, que perfura poços, teve em sua administração a secretária de Trabalho, Elaine Chao.

A reconstrução pode custar de 25 a 100 bilhões de dólares e o projeto é retirar esses recursos dos campos de petróleo do Iraque, que após a dominação imperialista, ficarão sob o controle do Exército do EUA.
Post author
Publication Date