Teresina (PI) debate os 90 anos da Revolução Russa

A regional do PSTU de Teresina (PI) realizou, no dia 29 de setembro, no auditório da Federação dos Trabalhadores Agrícolas (Fetag), um debate sobre a Revolução Russa. Participaram da atividade 32 ativistas dos movimentos sindical, estudantil e popular.

Professores e estudantes universitários, servidores municipais, professores estaduais, trabalhadores dos Correios, servidores do judiciário estadual, trabalhadores autônomos e ativistas do movimento popular ouviram atentamente a exposição da bancária Solimar Silva, membro da Conlutas-PI e do Movimento Nacional de Oposição Bancária (MNOB-PI), e do carteiro Romildo Araújo, da Conlutas-PI. Após as explanações, foi realizado um rico debate, mediado pelo professor Geraldo Carvalho, candidato a senador pelo PSTU nas últimas eleições.

Ao final, Geraldo fez uma breve apresentação do PSTU. Ele explicou a concepção de partido e o programa de nossa organização, um partido revolucionário. Falou, ainda, dos direitos e dos deveres de cada militante que ingressa em nosso partido. Na oportunidade, dois diretores do Sindcefet, seção do Andes-SN, os professores Airton e Lina, uma estudante de Educação Física da UESPI, uma estudante de Educação Artística da UFPI e um trabalhador dos Correios revelaram sua intenção de ingressar nos organismos do partido. Todos estes ativistas já vinham acompanhando a atuação do PSTU e debatendo com militantes do partido. Eles aproveitaram a oportunidade para anunciar publicamente a opção.

Um momento importante do evento foi quando o professor Airton afirmou: “acompanhei toda a trajetória do PT, mas o PSTU é o primeiro partido ao qual me filio”. Da platéia, alguém respondeu: “começou bem, professor!”. Airton continuou: “todos nós precisamos fazer essa revolução individual e nos preparar para a revolução maior que virá”. Ele foi bastante aplaudido.

Esta foi apenas a primeira de uma série atividades que a regional do PSTU de Teresina promoverá em comemoração aos 90 anos da Revolução Russa.