Teatro das eleições termina com dezenas de mortos e feridos no Iraque

Terminou às 12h (horário de Brasília) as eleições no Iraque. Mesmo com todo o esquema de segurança armado pelas tropas americanas, dezenas de pessoas morreram nos ataques da resistência. Agências internacionais de notícias contabilizam algo em torno de 30 a 40 mortos. Um avião britânico caiu em Bagdá e ainda não há informações sobre mortos e feridos. Em Samarra, o prefeito cancelou as eleições por falta de segurança.

As tropas de Bush impuseram um verdadeiro estado de sítio no país para viabilizar as farsas das eleições, na tentativa de legitimar a ocupação. Ruas e estradas foram bloqueadas por barricadas e as fronteiras foram fechadas. Hoje, nenhum carro particular pôde circular nas ruas do país. Apesar da clara fraude que ocorreu nas eleições, Bush declarou que as eleições foram “um sucesso”.