PSOL: Mais um partido eleitoral e burocrático

Recém-formado pela senadora Heloísa Helena e os deputados Babá, Luciana Genro e João Fontes, o PSOL tem uma política de oposição ao governo. No entanto, é um partido essencialmente eleitoral, como o PT. Já nasceu com a estratégia ao redor do lançamento de Heloísa Helena, em 2006, para presidência. Esta, que pode ser uma tática legítima, se transformou na estratégia do partido. Foi assim que o PT se perdeu, ao se adaptar à democracia burguesa. Como a estratégia é eleitoral, excluíram o PSTU e outros grupos, burocraticamente, porque propomos um partido revolucionário, para as lutas e não somente para as eleições. Tiveram assim uma atitude autoritária, semelhante à da direção do PT ao expulsá-los.

Em Maceió, Heloísa Helena está apoiando o PPS, partido burguês de Ciro Gomes. As bases do partido não discutiram o apoio. Como no PT, são os parlamentares que mandam.

Post author
Publication Date