Plenária Social decide: Luta contra a Alca continua

Nos dias 20 e 21, em Brasília, com representações de 15 estados, realizou-se a 10ª Plenária Social que definiu os próximos passos da campanha contra a Alca.
Apesar de diferenças no tocante às avaliações sobre o governo Lula, com muitos companheiros, por exemplo, analisando que este estaria em disputa, houve unidade sobre a necessidade de ter como centro dos objetivos e atividades da campanha a exigência de um Plebiscito Oficial em 2003.
A luta pela ruptura das negociações da Alca e contra entrega da Base de Alcântara forma ratificadas e se incorporou na campanha também a questão da Dívida Externa. Os temas Alca, OMC (Organização Mundial de Comércio), Dívida e Militarização marcarão o conjunto da campanha.
Ainda neste mês de novembro sai um novo jornal e os comitês de base devem ser fortalecidos e reativados. Além do novo jornal, outros materiais devem alentar a campanha: depois do Fórum será lançada nova cartilha, cartaz, etc.

Campanha exige Plebiscito Oficial em 2003

Os próximos grandes passos da Campanha terão início no Fórum Social Mundial, que acontecerá entre os dias 23 e 28 de janeiro em Porto Alegre.
No Fórum, a Campanha fará do dia 27 um dia de luta contra a Alca, que culminará com uma grande passeata. Aí será lançado o abaixo assinado exigindo o Plebiscito Oficial.
Este abaixo assinado será um instrumento a ser trabalhado durante todo o primeiro semestre. Acompanhando a coleta de assinaturas deverá haver palestras e debates em escolas, paróquias, fóruns do movimento sindical, operário, popular e estudantil, ou seja, um grande trabalho de esclarecimento sobre todo o povo.

Calendário de atividades em 2003

Além da grande passeata no Fórum, três outros grandes momentos de mobilização ocorrerão no nosso país. Primeiro, em abril, como parte do dia continental de luta contra a Alca, deverão ocorrer atos em todos os estados.
Segundo, no mês de junho, em data ainda a ser definida, realizaremos uma grande manifestação de massas para entregar ao governo, ao Congresso e ao Judiciário os abaixo- assinados e a exigência de convocação de um Plebiscito Oficial ainda em 2003, para que seja o povo a decidir se o governo brasileiro deve ou não seguir nas negociações e aderir à Alca.
Terceiro, em setembro, outro dia continental de luta, contra a reunião da OMC que ocorrerá em Cancun no México, haverá paralisações agrárias e bloqueios de estradas em vários países da América Latina. Aqui no Brasil também realizaremos um dia nacional de mobilização.
Agora, é arregaçar as mangas, reunir os comitês para discutir as resoluções da Plenária e organizar a participação no Fórum Social Mundial.
Post author
Publication Date