Notas

  • Guerra aos tubarões do ensino

    Enquanto o governo Lula diminui as verbas nas federais, as universidades particulares continuam proliferando e as mensalidades onerando cada vez mais os estudantes que já não conseguem pagá-las.

    Na PUC-SP, por exemplo, o número de estudantes inadimplentes já é de 40%. Isso obrigou os estudantes a se mobilizarem. Na São Camilo, os estudantes fizeram nas últimas semanas uma série de protestos contra o aumento, obrigando a direção a recuar. Já a Cásper Líbero enfrenta uma inadimplência de 27%. A reitoria impôs um reajuste de 45%, aumentando as mensalidades de 500 para mais de 750 reais. A resposta dos estudantes foi um ato que chegou a parar a Avenida Paulista.

  • Estudantes nas ruas de Curitiba

    Mais de 2.500 estudantes da UFPR tomaram as ruas de Curitiba (PR) no último dia 26. Com um déficit de mais de 400 professores, os estudantes reinvidicam a abertura imediata de concurso público e a ampliação do repasse de verbas.

    Post author
    Publication Date