Moção de repúdio à Bosch do Brasil

A empresa metalúrgica Bosch do Brasil, multinacional alemã com fábricas em Campinas, Salvador e Curitiba, puniu os diretores de base do Sindicato dos Metalúrgicos de Campinas e Região, Paulinho, Marquinho, Raildo e Giba com 2 dias de suspensão alegando que teriam feito uma ação ilegal ao organizar a greve de uma empresa terceirizada de transporte interno da empresa. Não contente com isso, a Bosch ameaça os diretores Raildo e Giba com a suspensão por mais 3 dias por terem atuado na mobilização dos trabalhadores da empresa Andorinha, outra terceirizada da empresa. Anteriormente a Bosch já havia punido e até demitido com justa causa cipeiros e dirigentes sindicais.

O que estamos presenciando é um ataque desta multinacional ao direito de organização sindical garantido pela Constituição Brasileira e pela Convenção 87 da OIT.

Por isso, exigimos a revogação imediata de todas as punições realizadas pela BOSCH do Brasil contra os diretores do sindicato e cipeiros da base de Campinas e Região.

Enviem as moções para os seguintes e-mails ou fax:

BOSCH
bosch.zunder@de.bosch.com
bosch.imprensa@br.bosch.com
Fax: ++ 55 (19) 3745-2260

Com cópia para
Conlutas Campinas
zeedugalvao@yahoo.com.br