Militantes socialistas são assassinados na Venezuela

Na noite do dia 27, três dirigentes sindicais foram assassinados na Venezuela, no estado de Aragua. Os três foram mortos à noite, após terem apoiado uma greve de 400 trabalhadores contra uma multinacional e enfrentado a repressão da polícia. No confronto, horas antes, quatro trabalhadores saíram feridos e os sindicalistas exigiram que a empresa fosse estatizada, sob controle dos trabalhadores.

Os três eram militantes da organização Unidad Socialista de Izquierda, da Unidade Internacional de los Trabalhadores (UIT-CI), representada no Brasil pela Corrente Socialista dos Trabalhadores (CST), do ex-deputado Babá. Na semana passada, dois dos três haviam disputado as eleições no Estado, e contaram com o Os camaradas se distinguiram durante sua vida como incansáveis lutadores operários e socialistas, anti-patronais, antiimperialistas e jamais se curvaram diante das constantes ameaças proferidas pelos patrões, agentes da força pública e inimigos dos trabalhadores.

Nossa organização exige dos governos nacional e regional a abertura imediata de uma investigação que encontre os assassinos e os mandantes deste pavoroso crime. Ao mesmo tempo, chama a todos os trabalhadores do país a mobilizar-se para impedir que estes crimes permaneçam impunes e a lutar para evitar que o Estado Aragua e o resto do país sejam cenários de crimes atrozes como o ocorrido na noite deste doloroso 25 de novembro.

LuisPrestamos nossa homenagem a nossos camaradas assassinados, que nos ensinaram, com seu exemplo e comportamento, que os direitos dos trabalhadores se fazem respeitar. Os companheiros defenderam com sua vida o princípio da defesa dos interesses da classe operária e do socialismo. Em seu nome e com seu exemplo seguiremos a batalha pela revolução socialista, pela expropriação dos patrões, pela ruptura definitiva com o imperialismo e construindo um governo dos trabalhadores e do povo.

Camaradas Richard Gallardo, Luis Hernández e Carlos Requena,

Até o socialismo… sempre

Unidad Socialista de Izquierda”

  • ENVIE MENSAGENS DE SOLIDARIEDADE PARA
    trabajadores2008@yahoo.com
    usi_venezuela@yahoo.com

    Com cópia para:
    UIT: secre@uit-ci.org
    LIT: correointernacional@litci.org

  • Veja a declaração da Unidade Socialista dos Trabalhadores, seção da LIT-QI na Venezuela (em espanhol)
  • Leia a declaração do PSTU sobre os assassinatos na Venezuela