Encontros e plenárias preparamo Conat nos estados

Plenárias, encontros e seminários em todo o País estão preparando as discussões que serão debatidas em maio, em Sumaré (SP)

Goiânia
No dia 8, cerca de 60 pessoas se reuniram para o Seminário Estadual da Conlutas. O evento contou com a participação de dirigentes sindicais, estudantis, associações de bairro, além de uma expressiva presença de dirigentes do MTL (Movimento Terra, Trabalho e Liberdade), que atua no campo.

A primeira parte se dedicou a uma análise de conjuntura. Paulo Barela, da direção nacional do PSTU, e Martiniano Cavalcante, da executiva nacional do PSOL, dividiram uma mesa de debate. Pela tarde, aprofundou-se a discussão sobre os estatutos e a concepção da Conlutas.

Brasília
A plenária ocorreu também no dia 8 de abril e reuniu cerca de 40 ativistas. Estiveram presentes o Sindágua, diretores do Sindical (funcionários do Congresso Nacional), a oposição do Sinpro (professores da fundação do governo do Distrito Federal), representantes da ADUnB (Associação dos Docentes da Universidade de Brasília), oposição dos bancários, oposição dos trabalhadores dos Correios, representantes do Sindprev-DF (minoria na diretoria do sindicato da Previdência), oposição do Sindser (servidores do Distrito Federal) e estudantes da UnB. Os participantes discutiram a conjuntura nacional e propostas de funcionamento da Conlutas.

Paraná
A plenária no Estado ocorreu no dia 10 de abril, na Universidade Federal do Paraná (UFPR). Foi anunciada com uma saudação no evento a presença de Eliana Lacerda, dirigente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Gráficas de Minas Gerais, da Conlutas, militante do MTL e filiada ao PSOL. Também foi anunciada a presença de Elísio Marques, dirigente do PCB, partido que recentemente retirou o seu apoio político à CUT. Elísio afirmou a intenção do PCB de participar das campanhas e das próximas reuniões da Conlutas no Estado.
Post author Da redação
Publication Date