Confira o novo boletim do PSTU: Chega de Dilma, Eduardo Cunha, Aécio e Temer


BAIXE O BOLETIM COMPLETO EM PDF

Os trabalhadores e a população pobre desse país não agüentam mais. É in­flação, arrocho e demissões. Nós trabalhadores precisamos sim botar pra fora esse governo Dilma, que governa para os banqueiros. E não queremos que no seu lugar venha Temer, do PMDB, ou Aécio Neves, do PSDB, que finge fazer oposição, mas defende a mesma política que só beneficia os bancos e as grandes empresas; ou o corrupto e ditador deputado Eduardo Cunha, Presidente da Câmara que fez votar o PL das terceirizações que ataca negros, jovens e mulheres.

Por isso, o impeachment não é a solução. Não devemos dar para esse Congresso Nacional corrupto o direito de decidir quem sai e quem entra no lugar. Somos nós trabalhadores, mobilizados, que devemos botar pra fora Dilma, Cunha, Aécio, Temer, Renan e todos esses corruptos que jogam a crise nas nossas costas para beneficiar banqueiros e empreiteiras. Não adianta trocar seis por meia dúzia.

Dilma enganou os trabalhadores. Disse que ia governar contra os bancos, mas preferiu governar pra eles e as grandes empresas. Por isso os banqueiros têm lucros recordes enquanto os trabalhadores amargam desemprego e in­flação. O Congresso e o PSDB fazem a mesma coisa. Eles brigam em frente às câmeras de TV, mas têm o mesmo plano para o país: fazer com que você pague a conta dessa crise. São mais do mesmo.

QUEM GANHA E QUEM PERDE COM A POLÍTICA ECONÔMICA DE DILMA

Nem dia 16, nem dia 20
Tem um pessoal convocando manifestações para o dia 16 de agosto. Dizem que são atos pelo impeachment e contra a corrupção, o aumento da gasolina, a inflação, etc. Problemas reais e sentido pela grande maioria do povo. Mas essas manifestações estão sendo chamadas pelo PSDB de Aécio Neves e FHC, apoiadas pelo Eduardo Cunha e muitos setores corruptos e de direita, que defendem o mesmo ajuste fiscal da Dilma contra nós. Querem desgastar o governo do PT para assumirem a presidência depois. Por isso chamamos os trabalhadores a não engrossarem esses atos, pois não são alternativa pra mudar tudo o que está aí. Pelo contrário, devemos tomar as ruas para botar esses aí também para correr.

Tem outro pessoal convocando atos no dia 20 para proteger o governo. É o PT, o PCdoB, a CUT, a UNE e outros setores, que se negam a mobilizar também contra o governo. Essas manifestações tampouco são alternativa. Faz sentido defender um governo que já provou que só tem compromisso com os lucros dos patrões? Que corta dinheiro da Saúde e Educação para dar aos banqueiros? Não faz.

É preciso avançar no chamado realizado pela CSP-Conlutas junto a outras entidades do movimento sindical, popular e estudantil, reunidos no Espaço Unidade de Ação, pra construirmos uma grande mobilização independente da Dilma-PT e do Aécio– PSDB, Cunha PMDB e demais oportunistas e corruptos de direita.

Vamos fazer uma mobilização dos trabalhadores contra o Dilma-PT, mas também contra Cunha, Temer e Renan do PMDB, Aécio Neves e toda essa corja. Nós trabalhadores podemos e temos força para exigir que saiam todos eles e que sejam os banqueiros e corruptos que paguem o preço da crise.

CLIQUE abaixo e faça o download do boletim