Uma campanha a serviço dos interesses e lutas dos trabalhadores

O PSTU coloca sua campanha eleitoral a serviço da luta e da organização independente dos trabalhadores.
Participamos das eleições para demonstrar que só a luta muda a vida, que não há reforma possível deste sistema decadente e que os trabalhadores, que produzem toda a riqueza deste país através do seu trabalho, podem e devem governar.
Não acreditamos que através da via eleitoral obteremos grandes melhoras nas condições de vida da classe trabalhadora e do povo pobre deste país. Somente a ação direta e organização independente dos trabalhadores poderá por fim à exploração, à opressão, à fome, à miséria e ao analfabetismo.
Por isso votar no PSTU é votar contra o capitalismo e a democracia dos ricos, onde quem manda é o poder econômico dos grandes banqueiros, empresários e latifundiários e não a vontade soberana do nosso povo.
Votar no PSTU é votar naqueles que estão em cada luta, grande ou pequena, defendendo as reivindicações mínimas e imediatas da classe, ao mesmo tempo em que levantam a necessidade da ruptura como a Área de Livre Comércio das Américas (Alca) e o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o não pagamento da dívida externa. Votar no PSTU é votar em quem propõe unir a esquerda socialista e combativa num novo partido da classe.
É um voto naqueles que, se eleitos, denunciarão as negociatas e roubalheiras nas assembléias legislativas e no Congresso Nacional, que receberão um salário não maior do que o de um operário especializado, que seguirão junto aos sindicatos, bairros operários, entidades do movimento popular e estudantil, subordinando sua ação parlamentar às lutas, interesses e as reivindicações mais sentidas dos movimentos sociais.
Nas páginas seguintes apresentamos a lista do candidatos do PSTU ao governo, senado, à Câmara Federal e às assembléias legislativas.
Na maioria dos Estados, de norte à sul do país, os trabalhadores podem contar com candidaturas de classe e socialistas.
Post author Euclides de Agrela,
da redação
Publication Date