Subsídios dobrariam vagas nas universidades públicas

Para acabar com a crise do ensino privado, o governo Lula editou uma mediada provisória criando o programa “Universidade para todos” ampliando as isenções fiscais concedidas às universidades pagas. Segundo o jornal Folha de S. Paulo do dia 12 de abril, o governo já subsidia o ensino pago com isenções fiscais e previdenciárias que somadas chegam a R$ 839,7 milhões ao ano, e ainda destina R$ 829 bilhões para financiar as vagas de estudantes na rede privada. O próprio governo reconhece que esse valor daria para duplicar o número de vagas nas universidades públicas. No entanto destinou para 2004 R$ 610 milhões, insuficientes para a manutenção das públicas.
Isso só comprova que Lula está do lado dos empresários do ensino pago.
Post author
Publication Date