O tiro saiu pela culatra

O governo ianque tentou utilizar o vídeo da decapitação do jovem americano Nick Berg – supostamente realizada por um comando da resistência iraquiana – para atenuar o impacto na opinião pública das revelações sobre as torturas. Em outras palavras, tentou-se mostrar que há pessoas “más” nos “dois lados”. Mas esse fato, extremamente confuso, também está se voltando contra o próprio imperialismo. Nenhuma autoridade norte-americana explicou ainda porque o jovem estava no Iraque, apesar de ter sido detido pela polícia local, subalterna à autoridade ianque, que o manteve incomunicável por 13 dias, período em que foi interrogado por agentes do FBI, para ser liberado um dia antes de sua morte. Além de exigir a verdade dos fatos, o pai do jovem responsabilizou o governo Bush pela morte e criticou a política de guerra: “Não acredito que este governo esteja comprometido com a democracia”.

Post author
Publication Date