O Opinião Socialista agora é semanal

A partir desse número, o Opinião Socialista passa a ser semanal e traz um novo projeto gráfico e editorial. O objetivo é abordar com mais agilidade, os acontecimentos do nosso país e do mundo.

O novo Opinião Socialista também pretende enriquecer seu conteúdo com debates, reportagens, entrevistas e cobertura das lutas e atividades do movimento dos trabalhadores. Para isso, vamos trazer novas editorias como a de Marxismo, que abordará teoria, história e polêmicas ideológicas, ocupando semanalmente uma página do jornal. Dedicaremos também uma página por mês para entrevistas com personalidades dos movimentos sociais.

As notas, cartas de leitores, charges e palavras cruzadas com conteúdo político serão publicadas na página dois. Críticas e dicas culturais merecerão pelo menos uma coluna ou página semanal. Nossas páginas também irão refletir o debate dos movimentos de mulheres, negros e negras, gays e lésbicas e demais setores oprimidos.

Uma das principais mudanças é o projeto gráfico. Agora, todo colorido e em novo formato, o novo jornal será mais leve, permitindo maior agilidade na leitura, com utilização de mapas, gráficos e ilustrações.

Queremos contribuir para o crescimento de uma verdadeira imprensa alternativa, crítica, independente e, sobretudo comprometida com a defesa das lutas operárias e populares. Por isso, continuaremos a denunciar o imperialismo e os governos, como o de Lula, que aplicam a cartilha neoliberal. Denunciamos a submissão do governo ao imperialismo, que mantém os acordos com o FMI, pagando a dívida externa, impondo o superávit e negociando, com Bush, a recolonização do país com a Alca. No decorrer do ano, um dos nossos desafios será derrotar as reformas Sindical e Trabalhista, que o governo quer impor para retirar direitos.

No último período, o Opinião Socialista foi porta-voz das lutas antiimperialistas e apoiou as mobilizações dos países da América Latina, como as mobilizações mundiais contra a guerra do Iraque.

Nossa luta é pela ruptura com o modelo neoliberal e pelo fim da dominação capitalista, na perspectiva da construção de um mundo socialista. Continuaremos aperfeiçoando o jornal para servir como instrumento dessa luta. Em breve você também poderá encontrar o nosso jornal nas bancas de todo o país.

Queremos saber o que você achou do novo jornal.
Envie opiniões, sugestões e críticas para o e-mail [email protected]

Post author
Publication Date