Notas

COMPANHEIRA VICÊNCIA PRESENTE!

É com muito pesar que comunicamos o falecimento da companheira Vicência, 48 anos, militante do PSTU, ocorrido no último dia 9 de janeiro. Mãe de dois filhos, Vicência era servidora municipal, foi diretora do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Bernardo e cipeira, por duas gestões, atuando de forma destacada em sua categoria. Nos últimos anos, dedicou sua vida à luta pelo socialismo e à construção do PSTU em São Bernardo do Campo (SP). Vicência era uma mulher guerreira e sua ausência deixa um grande vazio, pois defendia com muita firmeza e convicção suas posições. Queremos mais uma vez prestar homenagem a esta valorosa lutadora e dizer que levaremos adiante o sonho ao qual ela tanto se dedicou.

CONTRA AS DEMISSÕES NA FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ

Publicamos trechos da carta aberta do “Movimento em defesa da democracia na Fundação Santo André”, com o qual nos solidarizamos, solicitando que sejam enviadas mensagens para [email protected]

“A Fundação Santo André é uma Instituição de caráter público, sem fins lucrativos, criada pela Prefeitura Municipal de Santo André, em 1962. (…) No dia 16 de dezembro de 2003, seis professoras (…) foram sumariamente demitidas pelo Reitor Prof. Dr. Odair Bermelho numa atitude arbitrária que desrespeitou as normas regimentais da Instituição, não sendo assegurado o direito de defesa. As seis professoras demitidas são as mesmas que haviam assinado um documento solicitando (…) ampla discussão transparente e democrática sobre questões de naturezas diversas, relacionadas à gestão da Instituição (…). Este episódio demonstra a impossibilidade da existência de questionamentos evidenciando os princípios privatistas que prevalecem na Instituição.”

MARXISMO VIVO
A oitava edição da revista Marxismo Vivo é quase que totalmente dedicada à revolução boliviana de outubro de 2003. Além disso, a revista também traz um artigo sobre a resistência iraquiana e a segunda parte da análise de James Petras sobre o governo Lula.

ERRAMOS

Na última edição, informamos que o PSB fez parte da tese “Ação e Atividade” e, junto com a UJS, estaria ajudando a transformar a UBES em um braço do governo no movimento estudantil aprofundando sua burocratização.

Na verdade, o PSB não assinava a referida tese, o que não impede que continuem a cumprir esse mesmo papel.

Post author
Publication Date