Minas Gerais vai lançar candidatos em julho

A Frente de Esquerda em Minas apresentará como candidata ao Governo a professora Vanessa Portugal, do PSTU. Ex-dirigente do Sindicato dos trabalhadores em educação da Rede Municipal de ensino de Belo Horizonte, Vanessa é uma destacada ativista das lutas sindicais em Minas.

Ao PSOL coube as indicações das candidaturas a vice-governador, o advogado e ativista do movimento negro, Professor Pimenta, e também da candidata da Frente ao Senado, Maria da Consolação Rocha, ex-integrante da Executiva Nacional da CUT e Professora da Universidade Estadual de Minas Gerais.

A candidatura de Vanessa terá ainda o apoio do PCB, que resolveu apresentar candidato próprio ao Senado e chapa própria nas eleições proporcionais.

O PSTU definiu seus candidatos ao parlamento. Dentre eles, Gilberto Gomes, o “Giba”, metalúrgico e dirigente da Federação Sindical e Democrática dos Metalúrgicos como candidato a deputado estadual, e do ex-dirigente do Sindicato dos Bancários e advogado, Sebastião Carlos, o “Cacau”, para deputado federal.
A campanha da Frente em Minas terá como uma de suas tarefas desmascarar a farsa do governo Aécio Neves (PSDB).

Durante seu governo, a redução da carga tributária das grandes empresas foi acompanhada de um aumento significativo dos tributos sobre serviços e do aumento das tarifas públicas, como água e luz.

A defesa da reestatização da Cia. Vale Rio Doce e do Rio São Francisco, contra o projeto de transposição apresentado por Lula e defendido por Aécio, são outros pontos de programa importantes a serem desenvolvidos na campanha da Frente.
No dia 7 de julho acontece a plenária dos apoiadores da Frente, no Sindicato dos Comerciários de Belo Horizonte. E no dia 14, será realizado um grande ato de lançamento das candidaturas, com a presença de Heloísa Helena, em local a ser ainda definido.

Post author
Publication Date