Funcionalismo paulista lança campanha por salário e contra privatização de Serra

Entidades do funcionalismo estadual de São Paulo se reuniram durante uma plenária no último dia 22, na sede da Apeoesp na capital. As entidades discutiram o lançamento de uma campanha salarial unificada, assim como a luta contra os ataques do governador tucano José Serra.

Tais ataques se expressam hoje tanto pela política de desmonte dos serviços públicos implementado pelo governo do PSDB, quanto pelo recente anúncio da privatização da estatal de energia Cesp. Os servidores irão impulsionar uma campanha em defesa dos serviços públicos. Além de atos públicos, a campanha contará com cartazes, adesivos e panfletos.

O lançamento oficial da campanha unificada ocorre no próximo dia 29, em frente ao Palácio dos Bandeirantes, às 14 horas. Já no dia 5 de março, as entidades realizam nova plenária para discutir os próximos rumos do movimento, construindo um calendário de atividades unificado. Está sendo discutida a possibilidade de um ato unificado no dia 14. Porém, já está definido um ato público no dia 26 de março, data em que o governo Serra realizará o leilão da Cesp.

Próximas atividades:

29 de fevereiro – Lançamento da campanha salarial – ato público no Palácio dos Bandeirantes, às 14 horas.

5 de março – Nova plenária das entidades do funcionalismo estadual.

14 de março – Ato unificado (ainda a ser definido).

26 de março – Protesto contra privatização da Cesp.