Coletivo Ação Comunista (CAC) ingressa no PSTU

No dia 3 de setembro, ocorreu na cidade de São Luís, Maranhão, uma importante plenária reunindo militantes do PSTU e do Coletivo Ação Comunista (CAC) para debater concepção partidária.

O CAC foi um coletivo fundado por militantes dos setores da educação, funcionalismo público e do movimento popular ainda no PSOL que rompeu com este partido em maio deste ano por não concordarem entre outras coisas com o cupulismo de sua direção, o não funcionamento das instâncias e o afastamento das lutas.

Há cerca de três meses foi aberta a discussão entre as duas organizações para uma possível entrada do CAC no PSTU. Foram realizados dois seminários e diversas reuniões entre as direções para debater conjuntura, estratégia e concepção partidária. A experiência conjunta no movimento sindical nos últimos anos permitiu avançar neste processo na perspectiva da entrada dos companheiros do CAC no PSTU.

Após o seminário, os militantes do CAC decidiram pela entrada do grupo no PSTU. Esta é uma vitória da nossa organização que se fortalece com a vinda destes novos companheiros e torcemos fortemente que este processo sirva de exemplo para a discussão com outros agrupamentos tanto a nível nacional quanto internacional.

A todos os camaradas desejamos boas vindas ao PSTU e à LIT-QI.

Viva o PSTU!
Viva a Lit-QI!
Viva a reconstrução da Quarta Internacional!