Candidatos ao governo vão a debate na OAB


Pela segunda vez desde o início oficial da campanha, quatro dos cinco candidatos ao governo do Estado do Amazonas estiveram no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) – rua Paraíba, Adrianópolis, zona Centro-Sul – para apresentar suas propostas de governo. Desta vez a platéia foi formada por assistentes sociais, economistas, odontólogos, médicos, veterinários, contadores, advogados e jornalistas. O debate foi mediado pelo presidente do Sindicato dos Jornalistas, Deocleciano Bentes.

Serafim Corrêa (Coligação Por Amor ao Amazonas), Gilberto Mestrinho (PMDB), João Pedro (Coligação Lula Presidente) e Herbert Amazonas (PSTU) fizeram uma breve apresentação de suas diretrizes de governo e foram sabatinados pelos profissionais presentes. Eduardo Braga, da Frente Trabalhista do Amazonas não compareceu ao debate, alegando outro compromisso no mesmo horário.

Em linhas gerais, os candidatos reafirmaram seus compromissos em dotar o Estado do Amazonas das condições básicas para o seu desenvolvimento econômico e social. À exceção do candidato do PSTU, Herbert Amazonas todos os demais candidatos apresentaram pontos comuns em questões como segurança pública, educação, saúde, distribuição de renda, utilização das potencialidades econômicas regionais e a urgente necessidade de fortalecer a economia do interior do Amazonas.

Por sorteio, Herbert Amazonas foi o primeiro a falar de seu projeto de governo. O não pagamento da dívida externa, a reforma agrária radical, uma nova política fiscal em que os encargos “recaiam sobre a burguesia”, a estatização dos grandes monopólios e emprego com aumento de salário para todos os trabalhadores foram as principais propostas apresentadas.
Jacira Oliveira
Amazonas em tempo 280802