Campinas: uma campanha no chão da fábrica

A campanha de Raildo Neves, em Campinas (SP), está tendo o apoio de vários operários da Bosch e de metalúrgicos de outras fábricas da cidade. Na Bosch, onde Raildo trabalha, 220 trabalhadores já manifestaram o seu apoio. Eles estão levando as “colinhas” para seus vizinhos e familiares.

Nesta campanha salarial, Raildo se esforçou também para ir a outras fábricas que paralisaram e realizaram assembléias, colando a campanha eleitoral às lutas da categoria. Em outras fábricas, como na Gevisa e na Dako, também conseguimos vários apoiadores para a candidatura de Raildo.

No último dia 27, o candidato também participou de palestra sobre os 70 anos da IV Internacional, realizada por Bernardo Cerdeira, dirigente da Liga Internacional dos Trabalhadores (LIT-QI). A palestra contou com a presença de mais de 50 pessoas entre metalúrgicos, professores, petroleiros e jovens.

Esta semana, voltaremos às principais fábricas de Campinas com um novo panfleto falando da crise econômica e da luta do povo boliviano.