Ato com Heloísa agita centro do Rio

Após participar de diversas atividades em Volta Redonda (RJ) nesta quinta-feira, dia 24 de agosto, a caravana que acompanhava Heloísa Helena seguiu para o Rio de Janeiro.

Com cerca de 600 participantes, foi realizada uma passeata da Candelária à Cinelândia, centro do Rio. “Dívida externa, não pago não, Heloísa presidente da Nação“, foi a palavra de ordem mais entoada pelos manifestantes. Além de Heloísa Helena, estiveram presentes ao ato, o candidato a governador do Rio, Milton Temer, e os candidatos a deputado estadual e federal, pela Frente de Esquerda.

Heloísa Helena está em segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto no Rio de Janeiro, o que motivou ainda mais a militância, que desceu a Avenida Rio até a Cinelândia, onde o ato foi encerrado.

O candidato a deputado federal pelo PSTU, Cyro Garcia, destacou que a candidatura de Heloísa Helena pela Frente de Esquerda representa a volta do monopólio do petróleo brasileiro e a luta por uma Petrobrás 100% nacional. Cyro ressaltou ainda que qualquer proposta de investimento nas áreas de saúde, educação, moradia popular, etc, só será possível com o fim do pagamento da dívida externa.

Heloísa Helena também criticou a política de FHC, seguida por Lula, que “entregou todos os setores estratégicos do país“. Ao agradecer o apoio do Rio a sua candidatura, Heloísa disse que é inadmissível que em um país como o Brasil, 76% dos jovens, entre 14 e 24 anos, passem o dia todo sem fazer nada, pois não estudam, não têm emprego ou lazer. “É preciso criar uma alternativa para essa juventude. Não podemos ficar alheios a essas barbaridades que acontecem em nosso país“, disse.