Alesp pede reintegração de Dirceu Travesso

O Conselho de Líderes da Assembléia Legislativa de São Paulo (Alesp), reunido na quarta-feira (28/5), aprovou por unanimidade uma medida a favor da readmissão do dirigente sindical Dirceu Travesso.

O presidente da assembléia, Vaz de Lima (PSDB), e o líder do governo, deputado Barros Munhoz (PSDB), farão gestões junto ao chefe da Casa Civil, Aloísio Nunes, e ao presidente da Nossa Caixa, Milton Luiz de Melo Santos, pela reintegração.

Já está mais do que claro que a demissão de Dirceu é por perseguição política para quebrar a resistência dos trabalhadores no momento em que o banco está sendo privatizado e a Oposição Bancária de São Paulo forma a sua chapa para concorrer às eleições no Sindicato.

A campanha pela reintegração de Dirceu está se fortalecendo a cada dia. Ele já recebeu centenas de manifestações de apoio de todo o país. São lutadores e lutadoras do movimento sindical, e dos movimentos social, popular e estudantil, que já estiveram em alguma mobilização com Dirceu, ou cuja categoria ou movimento já recebeu a solidariedade de Didi.

Além disso, dezenas de entidades e organizações nacionais e internacionais também entraram na campanha e estão enviando moções à presidência do banco Nossa Caixa e ao governo do Estado de São Paulo.

Confira as entidades que já enviaram apoio a Dirceu Travesso
Partido Comunista Brasileiro (PCB) – São Paulo, Câmara Municipal de Campinas, Federació d’Ensenyament CGT de Catalunya, Asociación Empleados de Comercio de Rosário, Fenae – Federação Nacional das Associações do Pessoal da CEF, Sinal – Sind. Nacional dos Funcionários do Banco Central do Brasil, Andes-SN – Associação Nacional dos Docentes de Ensino Superior, Instituto Jerusalém do Brasil, Jubileu Sul Brasil, Enef – Executiva Nacional dos Estudantes de Filosofia, Sindpetro AL/SE, Sintes-SE, Sindicagese-SE, Sindicato dos Bancários de Bauru e Região, Associação dos Docentes da Unesp, Sindsaúde-RN, Sindicato dos Bancários de Santos e Região, Associação dos Docentes da UFF-RJ, Sindicato dos Bancários do RN, Sindicato dos Trabalhadores da Unicamp, Sindicato Metabase Inconfidentes-MG, Sind. dos Trabalhadores do Judiciário Federal no Estado de São Paulo, Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região, Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Federal do Estado de São Paulo, Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados no Estado de São Paulo, Sindicato dos Radialistas no Estado de São Paulo, Sindicato dos Servidores Municipais de Araraquara e Região, Sindicato dos Trabalhadores da Universidade de São Paulo
Post author www.conlutas.org.br
Publication Date