Rio de Janeiro tem protesto do movimento SOS Emprego e paralisação de portuários

1032

A capital carioca se agitou logo cedo nesse dia 15. Uma manifestação do Movimento SOS Emprego, filiado à CSP-Conlutas, fechou a Avenida Brasil na altura da descida da Ponte Rio-Niteroi boa parte da manhã.

Os trabalhadores de todo o complexo portuário do Rio também cruzaram os braços e se mobilizaram. Os portuários definiram paralisação de 24h.

Uma manifestação de sem-teto fechou a Avenida Rio Branco.

Os petroleiros da Reduc realizaram assembleia e atrasaram a entrada.

Parte dos bancos também estão parados, assim como a rede estadual e municipal de ensino.

Logo mais, às 16h, ocorre ato unificado a partir das 16h na Candelária.