Eliane Cezario

Eliana Aparecida Silva Cezario tem 55 anos, é aposentada pela Secretaria Municipal de
Educação e cursa Ciências Políticas. É moradora da Penha, na Zona Leste de São Paulo, e
participa do movimento da CSP Conlutas.

Começou a militância política aos 14 anos e participou do Movimentos pelas Diretas Já! em
1980, quando trabalhava em uma indústria de materiais elétricos, sempre lutando por
melhores condições de trabalho e salário, depois no comércio na 25 de março e, finalmente, ingressando no serviço público onde se dedicou à luta em defesa da Educação Pública, Gratuita e de Qualidade.

Presenciou em sua trajetória o racismo, mesmo tendo a pele clara, sendo filha de uma mulher parda descendente de negros e pertencente à religião de matriz africana.
Militou e depois rompeu com o PT e o PSOL tendo ingressado no PSTU por reconhecer neste o Partido da Revolução Brasileira.

Hoje se dedica à luta pelo fim da intolerância religiosa, à denúncia do Sionismo Cristão, pelo fim da LGBTFobia, dos Feminicídios e pelo fim da desigualdade social. Atua nas comunidades e favelas da Zona Leste levando conscientização política e organização para as mulheres trabalhadoras, pois entende que só quando a classe trabalhadora assumir o poder com uma Revolução Socialista seus problemas serão resolvidos.

Se não há igualdade para os pobres, que não haja paz para os ricos