PSTU lança Cleber Rabelo pré-candidato à prefeitura de Belém

36

Vivemos um momento de muitos desafios e lutas para todos os trabalhadores. O desemprego chegou à porta de mais de 10 milhões de pessoas, a inflação de 2015 foi 66% maior que a do ano anterior e os governos retiraram vários dos nossos direitos e verbas das áreas sociais. Dilma (PT) caiu, mas o governo Temer (PMDB) continua aplicando duros golpes em nossas vidas.

Em Belém, vimos o caos social chegar num dos piores níveis. A prefeitura de Zenaldo (PSDB) abandonou completamente nossa saúde. A cesta básica é uma das 10 mais caras do país e a cidade é a 26º mais violenta do mundo.

Não podemos mais suportar todos os ataques destes governos. Está na hora de dar um basta e colocar todos eles pra fora!

Por isso, nestas eleições queremos construir uma alternativa para Belém. Chega de Zenaldo e de todos que sempre governaram para os ricos da cidade e abandonaram o povo trabalhador.

Éder Mauro (PSD) tampouco pode ser uma alternativa, pois representa o que há de mais truculento e reacionário na bancada militar do Congresso Nacional, a chamada “bancada da bala”. Atrás das falsas promessas de acabar com a violência na cidade, um possível governo seu só traria cenário de guerra e extermínio nas periferias, com aprofundamento das mazelas sociais.

Um chamado à frente de esquerda socialista para derrotar PSDB
Queremos fazer um chamado especial a Edmilson Rodrigues (PSOL) para somar forças e fazer uma Frente de Esquerda em defesa dos trabalhadores de Belém. É lamentável que em meio aos escândalos de corrupção e aos fortes ataques do governo Dilma, o PSOL tenha se posicionado em defesa daquele governo e votado “não” ao impeachman sem fazer nenhuma crítica aos petistas.

Também lamentável a iniciativa do PSOL de construir alianças eleitorais com partidos como PV, Rede, PPL, que apóiam os ajustes e ataques aos trabalhadores. Não é possível assim construir uma campanha e uma prefeitura dos trabalhadores. É necessário romper com os empresários, com o PT e seus aliados e formar uma frente de trabalhadores, socialista para derrotar a crise econômica e os ataques aos nossos direitos.

O lançamento da pré-candidatura será no dia 14 de julho (quinta-feira) às 18 horas na Câmara Municipal de Belém, que fica na Tv. Curuzú, 1755.